Páginas

4.5.11

ser português é bom?

hoje chego ao trabalho e vejo uma pessoa nova e pergunto a uma colega:

eu - é nova aqui, ou vem replassar?
x - é nova na empresa mas vem replassar.
eu - e porque esta a trabalhar contigo e não vai para a place de quem veio replassar?
x - esta a aprender.
eu - desculpa? esta a aprender o quê^?
x - a trabalhar.
eu - mas a mim ninguém me ensinou, deram-me as coisas para as mãos e disseram-me tens 4h para isto e isto e eu tive que me orientar.
x - pois mas tu és portuguesa e ela é francesa.


e eu com cara de parva fiquei sem resposta.

continuo na duvida é bom ou mau ser português? com isto devo elevar ou deixar cair mesmo a auto-estima?!
fiquei na duvida!

que eu saiba não é preciso nenhum curso superior para limpar salas de aula, digo eu!

6 comentários:

Mami ( Sónia ) disse...

hahahah demais isso ai :) Realmente é mesmo para ficar na duvida!ou será que os franceses não limpam???

Maria Marques disse...

Olá,

Costumo a acompanhar o seu blog e este é o primeiro comentário que deixo.
Acho que neste caso é bom ser-se português. Deve ser sinal que pelo menos nos consideram trabalhadores ou no mínimo desenrascados!!:D

Mãe Feijoca disse...

sónia pelo que tenho visto e ouvido, tudo o que é francês, belga e luxemburgues é porco!

Olá Maria bem vinda!
também pensem o mesmo, mas aqui os portugueses sao considerados preguiçosos, porque muitos vêm trabalham um mes para ficarem legais e depois vivem de subsidios e passam a vida nos cafes sem fazer nenhum. aqui nao somos nada bem vistos, mas a verdade é que as empresas de limpeza estão cheias de portugueses.

Anónimo disse...

os portugueses tb sao porquinhos

Mãe Feijoca disse...

anónimo claro que sim, que tb há portugueses porcos, mas em comparação aos franceses, belgas, luxemburgueses somos mt limpos. e refiro estes porque sao os que conheço!

Mamã da Caroxinha disse...

AAo ler o teu post fiquei com a impressão de que realmente os portugueses além de limpos são despachados...mas depois de ler a tua resposta sobre os portugueses que vão para aí viver de rendimentos,enfim...infelizmente há casos desses em todo os lado e qualquer dia o que nos acontece é não sermos aceites em país nenhum :-(