Páginas

31.12.10

23.12.10

Para todos voçes

antes que a noite de amanha passe e eu fique sem tempo para passar por aqui, aproveito este termpinho livre para em conjunto com o desenho animado do Afonso desejar-vos a todos um Feliz e Santo Natal.

21.12.10

trabalho

cheguei ao Luxemburgo dia 13/12 e dia 15/12 comecei a manha a fazer inscrições em empresas á procura de trabalho.

não é que logo na primeira foi seleccionada para começar a trabalhar logo no dia a seguir. como customo dizer "a dias de sorte".

além de ser apenas temporário para substituir quem esta de ferias, fiquei já com um contracto o que me permite legalizar imediatamente, e quem sabe até mesmo ficar na empresa.

já não me lembro andar de transportes públicos, mas actualmente é o meu meio de transporte comboio e bus.

assim fico com o tempo muito mais controlado porque tenho que me guiar pelos horários dos transportes públicos, mas da maneira que este tempo esta não me atrevo a pegar num carro.

desde que cheguei que começou a nevar e ainda não parou, para quem gostava de neve agora deito neve pelos olhos....


19.12.10

AJ

antes de viajar ainda deu tempo, no ultimo dia á ultima da hora de ir conhecer a minha sobrinha linda. A menina AJ, que é como quem diz Ana João.



é linda a minha sobrinha.... Adoro-te minha princesa!!!

Escolinha

Saber que o Afonso não ia continuar na escolinha com os amiguinhos, foi das coisas que mais me custou ao tomar a decisão de partir.

aqui só ira para a escola no próximo ano em Setembro e até lá ficara numa ama.

acredito que nunca se esquecerá dos amiguinhos, educadoras e auxiliares que ficaram em Portugal, alias ficou prometido que é obrigatório fazer uma visita a escola sempre que formos a Portugal.

alguns dos trabalhos, deste ano....







agora vou ter que puxar pela imaginação, para continuar com actividades....

já em terras de duque

tenho tantas noticias que nem sei bem por onde começar....

mas vamos lá... pelo inicio, para não me esquecer de nada.

vou esquecer-me de algo, porque esquecer-me é o meu estado normal, lol


pela primeira vez senti medo de viajar de avião, tinha o coração apertadinho.
além de em Portugal o tempo estar óptimo no dia em que parti, sabia que para estes lados ia apanhar neve e muito frio e isso metia-me medo.
sempre tive boas viagens, normalmente viajem sempre com bom tempo e o desta vez não acontecer metia-me medo.
mas ao contrario do que esperava a viajem correu mesmo muito bem.
aterramos na Alemanha e assim que saímos do avião, encontramos um manto branco e temperaturas negativas, além de estar á espera foi um choque e logo eu que detesto frio.

o Afonso portou-se lindamente toda a viagem, ainda dormiu hora e meia e tive que o acordar quando estávamos para acordar.

além de não ter sido a sua primeira viagem de avião fez questão de fazer mil perguntar sobre tudo e a sua paixão por aviões e helicopetros fez-los delirar ainda mais, até que o cansaço o venceu e acabou por adormecer.


o reencontro com o papá foi muito giro, assim que o vim desatou a correr a gritar: papá, papá...
sem duvida que não existe amor igual entre pais e filhos.

depois de aterrarmos ainda tivemos mais uma hora de viagem até ao Luxemburgo. viajamos em low cost pela rayner, e aterramos na Alemanha. chegamos ao Luxemburgo já era noite cerrada e tínhamos a nossa espera a tia Titá, o tio Paulo e os primos Lara e Tomás. aos quais o Afonso adorou reencontrar mas deixou logo de lhe achar graça quando sentiu que teria que dividir o pai e mãe com eles.

chora que se mata quando um deles esta a nossa beira o ao nosso colo, por um lado até acho piada por outro doí por dentro sentir que o meu filho tem ciumes.

ao fim de jantar viemos para nossa casa que fica em Athus, Bélgica mesmo na fronteira com o Luxemburgo junto a Rodante e mais uma vez foi engraçado ver o a reacção do Afonso.

primeiro perguntou de quem era a casa, dissemos que era nossa e ele dizia que a nossa casa estava em Santa Comba Dão. mas depois lá aceitou mas fala sempre na casa de Santa Comba Dão e na casa de Tondela dos avós.

acho que sabe que esta noutra casa mas penso que ainda não tem noção de que estamos longe de Portugal.

e para sermos recebidos da melhor forma nada melhor do que começar a nevar sem parar até hoje.

confesso que adoro neve, varias eram as vezes que íamos até a Serra da Estrela, mas agora já estou farta.
é muito bonita de ver da janela, mas conviver com ela diariamente no dia a dia de manha a noite acaba por ser desagradavél.

o efeito do frio começa-se a sentir, tenho as mãos numa lastima, por mais creme que ponha estão a gretar, os lábios estão a começar a ficar esqueirados mesmo que ande sempre a  colocar geleia real e as dores de garganta já se fazem sempre.

e a cara ainda não têm nadinha porque tenho andado a colocar creme do Afonso que é óptimo e me tem ajudado muito. o frio e eu não nos damos muito bem, a quem diga que tenho pele de bebé e qualquer friozinho fico logo num caus.

como este post ja vai muito longe, depois venho contar mais....

13.12.10

um até já

Estamos de partida... em breve e assim que possivél daremos noticias.

na impossibilidade de o fazer entretanto, desejo desde já um Feliz Natal e um Bom Ano Novo para todos vós.


2.12.10

finalmente

nasceu a menina tão desejada.

AJ já faz parte deste nosso mundo e ao contrario do que se previa é enorme.

nasceu a madrugada passada ás 2h16m com 3440kg e 50cm.

estou desejosa de conhecer a "sobrinha" mais linda do mundo.

Amiga do meu coração:

agora que já sentes aquele amor incondicional, único, eterno, inexplicável vais perceber porque cedo tanta e tanta coisa ao Afonso.

vais perceber que não conseguimos dizer não aos nossos filhos com a mesma facilidade como dizemos aos filhos dos outros.

e parabéns amiga, sei como é importante para ti ser mãe.
vais amar vestir esse papel, vive cada momento como se não houvesse amanha, pois eles crescem de um dia para o outro e não nos apercebemos do tempo passar.
de todas as profissões do mundo sem duvida esta é a melhor, só é pena não ser reconhecida.
e não tenhas medo de falhar, para a nossa AJ serás sempre a melhor do mundo!

30.11.10

muito frio

hoje em conversa com a vizinha

vizinha: hoje esta mesmo frio. este ano ainda não tinha acendido a lareira mas de hoje não passa. é que esta mesmo muito frio.

fiquei um quanto chocada porque desde o meio de Outubro que acendo a lareira todos os dias....

eu sei,é um abuso também, mas eu sou assim.... friorenta!

esta doeu

e muito.

ontem sai cedo e passei o dia todo em Coimbra, com isso não consegui levar/buscar o Afonso á escola e pedi á minha sogra que o fizesse por mim.

assim que cheguei fui logo busca-lo e viemos para casa.

enquanto jantávamos ele pergunta: "mama, porque não me foste buscar á escola e foi a avó?" , expliquei-lhe o motivo de maneira a ele perceber. mas para doer ainda mais ele volta a lançar das dele: "mas eu queria que fosses tu e não a avó".

e se a primeira doeu, esta doeu muito mais.
e são estas pequenas/grandes coisas que doem, e me ocupam metade do pensamento.
o facto de não poder levar/buscar o Afonso á escola assusta-me. o facto de arranjar um trabalho que não me permita pelo menos uma das idas atormenta-me diariamente.

e se nunca sofri por antecipação agora estou a sofrer...

....

ando mesmo sem vontade de nada.
sei que nos últimos tempos o meu estado de espírito têm sido este.

por um lado não vejo o dia de ir embora, por outro passa-me diariamente pela mente 27 anos da minha vida que vou deixar para trás.

já começamos na contagem decrescente, falta menos de quinze dia, alias de hoje a quinze dias, já acordarei em terras de Duque.

o medo começa a invadir-me devagarinho e aos poucos vai aumentando.

passei a viver em função do Afonso, e o que me assusta mais será a adaptação dele.

e os dias têm passado assim com a mente super lutada.

24.11.10

Afonso no seu melhor

nunca achei piada a crianças a partir do ano e meio, não sei explicar o porque, mas não achava muita piada.
até ter o Afonso e ele passar essa idade, sem duvida que mudei de opinião.

todos os dias têm uma nova, que lhe sai da boca a todo o gás e me deixa a mim de queixo no chão.

algumas vou aqui registando, outras  acabo por esquecer, mas uma das do fim de semana não podia ficar em branco e jamais me esquecerei.

desde o verão que tínhamos um gato, o nosso Óscar, á duas semanas decidi leva-lo para minha mãe, tendo em conta que vamos embora.

no inicio o Afonso não queria que ele lá fica-se mas depois compreendeu.

então este fim de semana num momento só dele e do gato, deita as calças e cuecas a baixo e diz-lhe:

Afonso: Óscar olha aqui as mamocas do meu rabo... (enquanto apertava o rabo).

chorei de tanto rir, de todas que ele já fez está é daquelas que nunca esquecerei.

malha

vou aprender a fazer malha.
melhor dizendo vou tentar, sinceramente não sei se vou conseguir.
além da minha rebeldia, tenho o outro lado de ser muito prendada e sei fazer quase tudo, para dizer tudo só me falta mesmo fazer malha.
decidi que tinha que aprender, já fiz varias tentativas mas nunca dou com a coisa... mas desta vez decidi que vou-me esforçar.
a "professora" é do melhor que existe na zona, por isso quero acreditar que desta vez vou conseguir...

para começar bem o dia

nada melhor do que ficar logo mal, mas mesmo mal disposta.
ao fim de uma semana em casa o Afonso regressou hoje á escola.
quando chegamos, tanto amiguinhos, como educadora fizeram logo uma festa e fui bombardeada com noticias.
próxima segunda-feira dia do fotografo ir á escola.
dia 2/12 começam os ensaios dos pais para a participação na festa de Natal. (participo sempre e vou ter saudades)
até aqui tudo bem... porque para me por mal disposta vem a seguir (acho que me conhecem tão bem que sabem por que ordem me dar as noticias).

A festa será no refeitório como sempre, o que sinceramente me enerva.
além do refeitório ser grande torna-se muito pequeno para receber os familiares de todos os meninos, e tendo um auditório municipal de luxo, do melhor que já vi não consigo entender porque insistem em fazer a festa no refeitório da escola.
como desculpa dizem que as crianças vão achar estranho o espaço, o que pessoalmente acho uma verdadeira treta. já trabalhei em dois infantários e nunca tivemos problemas em fazer festas de natal e fim do ano lectivo noutro local.
e para acabar em beleza as crianças da sala dos 2 anos (sala do Afonso), vão ter apenas uma pequena participação á volta da árvore Natal. teram que ir vestidos de branco (roupa como a do ano passado) com um cachecol colorido.
isto irrita-me de uma tal maneira que ninguém imagina, porque fazem dos miúdos uns coitadinhos e burros.
existem coisas tão giras que se podem fazer com os miúdos e naquela escola só os finalistas é que fazem alguma coisa de jeito e é quando o fazem.
que me digam que com as crianças do berçário não da para fazer grande coisa eu até concordo, agora com crianças de 2 anos por favor.

gosto muito de quem toma conta do meu filho, confio a 100%, e se há algo que me vai deixar pena quando for embora vai ser o facto de tirar o Afonso da escola, mas as vezes irrito-me de uma tal maneira com certas situações.

achar que eles não são capazes de fazer um teatro irrita-me profundamente.
das duas uma ou não existe imaginação naquele cérebro ou então há mesmo falta de vontade.

e depois dizem que eu sou refilona....

23.11.10

em contagem

decrescente.
andamos a contar os dias.
a colocar cruzinhas no calendário.

dois acontecimentos importantes estão para acontecer em breve.
A nossa menina AJ está preste a nascer, parto previsto para a próxima sexta-feira. (acho que estou mais ansiosa do que a minha amiga Ana).

Temos viagem marcada para dia 13 de Dezembro. Um dia que marca a maior mudança na minha vida, que por um lado me da conforto mas por outro me mete medo.

vanha de lá

orçamento que aguente.
num mês duas consultas no pediatra (que é uma pipa, além de que também é o único medico em quem confio).
e para ajudar á festa mais uma Prevenar (pneumonia e meningites, pode ser tomada até aos 5 anos) que como é sempre de contar não é participada.

desaparecida

é mesmo assim que ando.
e porquê?
porque tudo me têm acontecido.
ando esgotada física e psicologicamente.

primeiro varicela, que além de não ter tido febre nem muitas borbulhas obrigou-nos a estar dez dias (leram bem) em casa fechada a sete chaves.
depois de três a quatro dias de escola mais uma visita a pediatria, onde encontrei a pediatra mais antipática do mundo e resultado uma blonquiolite.
e para acabar estas ultimas semanas em beleza nada melhor do que fazer mudanças e de um momento para o outro sem nada o prever, ficar sem portátil.
pifou, não faço a mínima ideia do que se passou e o que mais me entristece é que não sei se vou conseguir retirar o que tenho la dentro.

já não sei o que mais me vai acontecer.
ando mesmo cansado, esgotada.



15.11.10

ja nao

estou habituada a passar noites em claro.
e esta foi de doidos.
tosse, com mais tosse e acorda agora acorda daqui a pouco.
e assim passamos a noite.
e agora estou para aqui quase a cair para o lado...

tenho

e tenho, que perder 4kg, com a máxima urgência.

10.11.10

32

32 meses
está enorme o meu piolho...
o tempo passa a correr sem darmos conta...
ai que saudades...

9.11.10

as frases mais ditas

nos últimos dias pelo Afonso:

- mama gosto muito de ti.
- mama, és a minha fofinha.
- mama, és tão lindinha!
- mama, onde esta o papa.
- mama, quero ir para o Luxemburgo.
- mama, tenho saudades do papa.

e eu babo e babo muito, mas esta ultima " mama, tenho saudades do papa ", é que me mata...

1.11.10

tenho uma duvida

A medica disse que o Afonso não podia ir a escola no prazo de dez dias e que não devia andar na rua.
as borbulhas da varicela já estão todas secas. ainda continua com os xaropes. um acaba amanha o outro tem se fazer dez dias.
como as borbulhas já estão secas, será que ele já pode ir á rua?
mamas experientes nestas andanças da varicela, podem dizer-me como fizeram com as vossas crianças?

ele está normal, muito bem disposto, sem febre e parece até que a varicela lhe abriu o apetite de comer...


como não posso

sair de casa, e com o tempinho que esta lá fora, também não fico muito mal disposta por não poder sair.
nada melhor do que deitar no sofá a saborear o calorzinho da lareira e a percorrer os canais todos á procura de um bom filme, ou algo minimamente interessante para ver enquanto ele dorme uma soneca.

vai-me saber como mel...ai vai, vai

acabei de descobrir

que o meu filho roeu as unhas...
medo, muito medo.
detesto que roam as unhas, detesto mesmo.

31.10.10

Ministro das Finanças Suíço fala sobre Portugal

no mundo dos porquês?



andamos mesmo a viver no mundo dos porquês?

tudo serve para fazer perguntas: onde? quando? porquê? para onde?

e não se contenta com uma qualquer simples resposta, porque ao fim de uma resposta vem logo "porquê?".
confesso que já estou a perder a imaginação...

30.10.10

boquiaberta

" e quem sia, e quem sia, o pai da quiança? "

acabei de ouvir isto da boca do meu filho!

não sei onde aprendeu isto, não sei mesmo, já pensei que podia ser da famosa " casa dos segredos ", mas eu raramente vejo o dito programa....

29.10.10

de castigo

vou estar eu e o Afonso durante os próximos dez dias.
pelo menos...
a varicela decidiu fazer uma visita, por isso vamos ficar de castigo fechados em casa sem poder apanhar o ar puro da rua....

19.10.10

nunca pensei

que uma formação me deve cabo da cabeça.
acho que ando descontrolada.
ando fora da realidade, sem tempo para nada...

14.10.10

ja nao me lembrava de dormir tanto

ontem ao fim de mais um belo dia de formação chegamos a casa por volta das 20h.
o Afonso já vinha jantado de casa da avó.
assim que chegamos fui dar-lhe banho e fazer o leite para o ir por a dormir.
como faço todos os dias quando o vou adormecer não apago luzes que estejam acesas nem desligo a televisão, porque regresso em breve.
mas desta vez só regressei as 8h10m desta manha, acho que adormeci primeiro do que ele.
conclusão como eu sou sócia da EDP e ninguém sabe, ficaram três luzes, tv e pc, toda a noite a gastar para o tecto.
se por um lado fiquei danada, por outro soube tão, mas tão bem dormir estas horas tudinhas. ninguém imagina.

onde estas?

para onde fostes?
abono?
porque fugis-te?
eu devo ser uma gaja mesmo muita rica e ainda não dei conta.
sim porque o abono que recebíamos do Afonso, foi para a conta de alguém, menos para a minha.
foi-se...

raiva

tenho mesmo raiva destes políticos de meia tigela do nosso país.
para tudo e mais alguma coisa mandam-nos apertar o cinto.
mas quando lhe toca a eles, é tudo á grande e á francesa.
....
e só porque sábado, vai estar cá em Santa Comba o presidente da republica, para inauguração de mais um centro educativo, o pessoal da câmara anda a trabalhar de noite e de dia.
e quando digo noite e dia, estou mesmo a falar a serio.
eles sao passeios que alargam, como rotundas tiram alcatrão e colocam calçada, ora candeeiros gigantes no meio das rotundas.
bem só visto a avenida principal da cidade esta interrompida, o transito tem todo que circular pelo centro o que causa grande transtorno.
ah, vejam só que até o tribunal andam a lavar com maquinas de pressão.
e isto, isto da-me cá uma azia, que ninguém imagina.
andam anos sem fazer nada e depois só porque o presidente da republica cá vem, é obras por todo o lado.
e o que me deixa mais lixada é que uma das rotundas em obras é no cimo da minha rua, mas a rua que fica de lado, mesmo na minha saída e que esta uma vergonha, ninguém se lembra de vir compor.
de certo a rua não pertence a Santa Comba Dão... ah... tinha-me esquecido o senhor presidente não vai passar á minha porta.

filhos da P***, é o que estes gajos todos são.

13.10.10

minhas queridas

quando quiserem estragar alguma coisa, é só chamar.
que eu tenho umas mãozinhas que onde tocam deixam marca.
devo ter uma sina qualquer, se antes eram os telemóveis que duravam pouco nas minhas mãos, e já perdi a conta ao numero de telemóveis que tive, agora são os ratos do PC.
é que só este ano de 2010, já me passaram pelas mãos, talvez uma meia dúzia deles.
estou danada, mais um que teve uma vida curta.
estou mesmo chateada...

12.10.10

ultimas dele

na sexta enquanto jantávamos na minha sogra, o Afonso pergunta pela avó Neca.
digo-lhe que esta a trabalhar e que no dia a seguir vamos a casa dela.
mas ele diz-me "mas eu quero ir agora.", expliquei-lhe que não podia ser porque eu ia ter que ir para a formação e como eu não podia ir ele também não.
volta a insistir que quer ir naquele momento, e eu digo-lhe "Afonso, não pode ser se a mama não vai, como é que tu vais", e ele sem papas na língua respondeu-me "Vou a pé".

ontem no super mercado, fui buscar leite e ele que também trás sempre um mini-carro com ele, vai direitinho aos pacotes de leite achocolatado pega num pack de três embalagens mete no carro dele e diz
"vou precisar disto"
e mais nada, o filho precisa e a mãe paga e cala.

mas o engraçado é que ele não gosta daquele leite.
conclusão veio para casa para deitar fora, porque nem pensar tirar-lhe o leite do carro, caia o Carmo e a trindade.


adenda: devia trazer um bloco de notas para anotar todas as que ele diz, mas...

cartao de cidadão

ontem recebi a carta e hoje logo de manha bem cedinho, ao fim de deixar o Afonso na escola, fui levantar o CC do Afonso, e tirar todas as minhas duvidas.
e como eu já previa é obrigatório medir e tirar impressões digitais.
como tal não aconteceu, não pensei duas vezes em reclamar.
existem pessoas que deviam estar no manicómio em vez de prestar serviço ao publico, sim porque a dita que me atendeu da outra vez não bate bem da bola, mas isso é um problema dela. no seu local de trabalho só tem que fazer o seu trabalho correctamente e mais nada.


11.10.10

...

o que me interessa ter 200 pares de sapatos,
50 pares de calças,
30 casacos,
um monte de maquilhagem,
se no fundo, não tenho o essencial: amor.
de que me vale isto se não tenho amigos, se não tenho quem me ame?
tudo isto são futilidades. se também não gosto destas coisa? claro que gosto, não sou diferente das outras mulheres.
mas dou muito mais importância, aos meus amigos, a minha família do que sair á rua toda XPTO e não ter a quem dizer um simples bom dia.
quanto mais conheço os outros, mais consigo gostar de mim...

soube

tão bem, passar o fim de semana no quentinho do lar da casa dos avós, e ouvir a chuva a cair.
acordar tarde e dormir a sestinha agarrada ao Afonso.
ai como me soube bem...
de uma coisa tenho a certeza o fim de semana devia ter mais dias, dois é pouco.

10-10-10

para muitos mais um dia passado, mas nós o dia em que o Afonso completou 31 meses.
e já passamos dos trinta.
parece que nasceu ontem, mas já tenho um rapazinho em casa, ao contrario do bebe que nasceu á 31 meses atrás.
a sua personalidade esta cada vez mais vincada: teimoso, curioso e simpático.
anda na fase do "não" e dos "porquês?".
está enorme e giro.
o tempo passa a depressa demais, e fico com medo do dia em que ele sais debaixo da minha asa.
é que da maneira que o tempo passa, não ade tardar muito para o Afonso me trocar pelas namoradas...


4.10.10

continuo

sem perceber o motivo das pessoas mentirei.
detesto, mas detesto mesmo que o façam.
irritam-se com uma simples mentira conseguem tirar-me do serio.
porra, será que não é mais fácil dizer a verdade?


mentes pequeninas é o que é...

um fim de semana

que podia ter sido maravilhoso... mas acabou por ser como tantos outros!
ando por aqui perdida, triste, desorientada.
com pouca vontade e com tanta coisa para fazer.
 o tempo escorre-me pelos dedos sem dar conta, e vejo os dias a passarem-me ao lado...

estou cansada, muito cansada psicologicamente.
quero-me ir embora, quer voltar a ter uma vida normal.
estou farta... farta de estar aqui!

30.9.10

decisão certa

se tomar a decisão de emigrar é difícil?
sim é.
se custa pensar que vamos ficar longe da nossa terra, da nossa família, dos nossos amigos?
sim custa muito, só de pensar.
se me da calafrios só de imaginar que vou tirar o Afonso da escola e separa-lo dos amiguinhos?
sim, é um sentimento do pior.
se choro só de pensar que vou viver longe dos meus pais e que o Afonso vai crescer longe dos avós?
si, choro e muito.
se tenho duvidas que é esta a decisão certa?
não, mas já tive.

mas neste momento, tenho a certeza que é o melhor a fazer, Portugal está a ir ao fundo aos poucos.
e eu como qualquer mãe quero o melhor para o meu filho, e aqui é muito difícil.
por isso tomamos a decisão certa no momento certo.

28.9.10

ohhh

será que o calorzinho já foi mesmo embora?
ainda não tinha tido frio como hoje.
nada de andar de casaco atrás, mas hoje já senti o tempo mais fresco, alias quando sinto os pés frio, é porque esta frio.
vou sentir tantas saudades do tempo bom.
ai se pudesse... se pudesse vivia sempre com calor, muito calor.
este tempinho ameno, que nem faz sol nem faz chuva, deixa-me mole com vontade de não fazer nadinha.

finalmente

boas noticias.
possa já nadava cansada de tanto azar junto, são más noticias umas em cima das outras.
pelo menos hoje comecei o dia com boas noticias, vamos ver como continuam as coisas.

25.9.10

que

me digam que o Afonso é envergonhado no primeiro contacto com uma pessoa estranha eu até concordo.
agora que é uma criança anti-social, é que por favor.
tira-me do serio, porque não é verdade, nisso o meu filho é muito parecido comigo, primeiro contacto nada de confianças, mas é por pouco tempo.
as vezes fico parva com certo tipo de comentários.
as pessoas deviam pensar antes de abrir a boca, porque se é para dizer só asneiras vale mais estarem caladas.

é verdade

hoje estou mesmo mal disposta.
detesto, mas detesto mesmo que me acordei.
e pronto, hoje é melhor ninguém falar comigo porque estou mesmo mal disposta.

24.9.10

e hoje

comecei mais uma formação, para ajudar a passar o tempo, mas esta é pós-laboral.
das 19h ás 22:30h ás terças e sextas....
formação de inglês, precisava mesmo e vou ter que fazer o sacrifício.

anda mesmo

a fazer-me confusão a isto e isto.
acho que ainda la vou perguntar se é ou nao obrigatorio a impressão digital e medir.

mais uma treta

como ainda nao tinha recebido a carta para fazer a prova de rendimento na segurança social, hoje passei por lá.
tirei as duvidas e pedi a senha para depois fazer a prova atraves da net.
mas fiquei "burra", quando me disseram que tinha que mencionar o montante de dinheiro que tinha na conta no dia 31 de Dezembro de 2009. perguntei se um extracto bancario servia para justificar o montante. disseram-me que nao era preciso, bastava dizer o valor.
desculpei la mas isto é mesmo uma treta, é mesmo para gozar com o povo.
quem garante que durante o ano, nao tenho 1 milhao de euros(quem me dera) na conta e naquele dia (31/12/2009) nao tenho la nenhum.
pelo amor de Deus, este governo inventa cada uma, que até me tira o sono, so tretas....

as aparências iludem

já a alguns meses passou nas noticias, que numa aldeia aqui perto tinha sido encontrado um feto no meio de uma vinha que estava a ser comido por um cão.
nos dias seguintes não se ouvia falar de outra coisa, e havia quem disse-se que a mulher que fez isso, tinha um historio negro, além de vários abortos que já tinha feito, tinha um filho que era criado por uma madrinha e que além de viver perto do filho pouco ou nada lhe ligava.
hoje numa ida á segurança social encontrei uma colega de uma formação que já não via a algum tempo e conversa puxa conversa sobe que a mulher á qual a noticia se referia é uma moça que também frequentou a mesma formação e de quem eu até tinha uma boa imagem.
é por isso que as aparências, muitas vezes enganam, e com isto fiquei estupefacta.

23.9.10

por

o que me tenho apercebido pelo que tenho lido em alguns blog´s, esta a chover por todo o lado.
e nesta santa terrinha a chuva ainda não chegou, o que é de estranhar.
estou admirada, mas posso continuar assim mais uns diazitos, porque chuva eu dispenso.
e para agravar mais a minha gripe que se deixe ficar por onde anda.

ainda do CC

o Afonso não foi medido, e a senhora perguntou-me quanto é que ele media, disse-lhe que não sabia, já não era medido deste Maio e que nessa altura medida 91cm. então ela responde-me:
"então se em Maio media 91cm, agora de medir 96cm." e escreve 96 e eu mais uma fez fiquei com cara de parva. então não devia medir o miúdo, pergunto eu?

o que eu acho é que ou isto é tudo uma grande balda ou então quanto menos fazem menos querem fazer...

agora

deitou-se no chão com o Ruca ao lado e diz:
"mama eu já sou gande e o Ruca pequenino?!"
digo-lhe que sim que ele é grande e lindo e ele bate palmas e risse e diz-me:
"mama bate também, palminhas!"
só ele para me fazer rir a esta hora

grande lata

a educadora do Afonso pediu-me um fotografia dele tipo passe, mas eu não tenho fotografias desse tamanho. então passei uma foto para a pen e fui ao fotografo pedir para imprimir no tamanho que me tinham pedido.
o fotografo mandou-me entrar para ver como ia ficar ao fim de recortada e perguntou-me se só queria uma, eu disse-lhe que sim. então ele diz-me o seguinte "sabes é que vais pagar tanto por uma como por seis.", ouvindo isto disse-lhe então que queria as seis. quando não é o meu espanto que ao pagar ele me pede 7.50€ e eu perguntei-lhe "entao disseste-me que pagaria tanto por uma como por seis, se quisesse só uma iria pagar 7.50€?" e com uma grande cara de pau diz-me que não que só uma ficava mais barato mas que seis compensava mais.... fiquei fula, não foi pelos 7.50€ porque não é por ai que vou ficar pobre, mas pelo facto de me ter enganado ao dizer-me que o preço era igual... e eu sou cliente, imaginei se não fosse... esta gente tem cá uma lata...

cartao de cidadão

hoje o Afonso não foi á escola.
acordamos mais tarde e fomos tirar o cartão de cidadão dele.
correu tudo sobre a normalidade, até a senhora me dizer "que ela não costuma tirar impressões digitais a crianças pequenas, porque não gosta de as massacrar". e eu fiquei com cara de estúpida a ilhar para ela.
quer dizer antes do Afonso ter 2 meses tirei um B.I. para poder viajar com ele e ai tiraram impressões digitais, agora que o Afonso têm 2 anos e meio a senhora não tira porque não gosta de massacrar as crianças.
e eu pergunto: massacre? pessoalmente não acho nenhum massacre. e volto a perguntar é obrigatório tirar impressões digitais ou depende da vontade do funcionário? é que fiquei sem perceber.

iamos

na rua ele canta
"minha mãe mandou-me á ponte e eu pati a a cantainha", e depois pergunta "é assim mama?".
digo-lhe que não, que é fonte em vez de ponte, e ele responde-me "mas eu queo ponte" e continua "minha mãe mando-me á ponte e eu pati a cantainha"

já alguém

tirou o cartão de cidadão aos vossos filhotes?
quem já tirou por acaso tiraram as impressões digitais dos pequenos?
depois explico o motivo das perguntas...

22.9.10

a noite

passada voltou a acontecer a mesma coisa.
quando acordei o Afonso dei conta novamente que estava todo molhado e não era de xixi, mas de tanto transpirar durante a noite.
ele sempre foi uma criança que transpirou muito, mas agora é demais e eu ainda não tenho edredon na cama, nem quero imaginar quando tiver.

tenho

um filho que têm tanto de doce como de invejoso.

andava aqui para a frente e para trás a comer bolachas e a ver bonecos.
e da-me um bolacha, sem eu lhe pedir,  assim que lhe pego para a meter á boca deita-se no chão aos gritos a dizer que é dele.
e não se calou enquanto não devolvi a bolacha....
tenho mesmo que cortar os pulsos.

estou

assim, para la de chateada.
há mais de duas semanas que enviei um mail para a ultima escola onde estudei a pedir um certificado.
na semana passada como ainda não tinha obtido resposta telefonei, para saber o ponto da situação. ao qual me disseram, que iam tratar da situação de imediato.
e hoje faço eu mais de 20km por estrada nacional, curva contra curva para me dizerem que ainda não estava pronto, opá fiquei fula, podre da vida.
será que é assim tão difícil tirar um certificado?
por favor e ainda por cima, tenho que pagar...
e para não voltar para la decidir pagar logo e pedi que me enviassem por correio.
é por estas e por outras que isto não vai para a frente, quanto menos fazem menos querem fazer...

e agora dizem-me voçes, têm outras coisas para tratar, pois eu ate era capaz de compreender a demora se tal fosse verdade, mas a escola têm uma pessoas exclusiva para tratar só desses assuntos e o que me foi dito é que á minha frente estavam apenas duas pessoas. duas? agora imaginei que tinha 50, esperava para ai dois anos, no mínimo...

e

com o Outono a começar, tenho mais uma gripe a visitar-me....
é por isso que eu gosto mesmo é do calor....

21.9.10

desde

ás 4h30m (hora a que foi buscar o Afonso á creche) que já respirei fundo umas dez vezes para não ter que alterar o tom de voz.
é que este meu querido filho escolheu o dia certo para me tirar do serio.
então sido birra atrás de birra, ou porque quer ou porque não quer.
não ouve rigorosamente nada do que lhe digo e ainda olha para mim com cara de gozo para me provocar.

ai ai que estou tramada e para ajudar estou com uma dor de cabeça que nem ao pior inimigo se deseja....

maldito tempo

esta mesmo instavél, faz ameaças de chuva de manha e depois o sol da o ar da sua graça durante toda a tarde.
e hoje saio eu de casa com medo da chuva com camisolinha de malha já vestida para a tarde apanhar um calor do caraças, e escorrer agua por todos os poros existentes no meu corpo.
raio de tempo....

que coisa estranha

hoje quando acordei o Afonso, senti que tinha o pijama todo molhado, e pensei "fez xixi na cama".
não é habitual, mas por vezes acontece.
ao fim de lhe dar banho e vestir fui tirar os lençóis da cama para lavar e não é que os lençóis estavam secos, nem uma pontinha molhada e o pijama também não cheira a xixi mas que esta molhado lá isso está.
fico a pensar que é só transpiração, mas é estranho estar tão molhado, é que já nem esta assim tanto calor para acontecer desta forma....
mistério....

20.9.10

sabem

quando andamos e andamos á procura de uma coisa e não encontramos.... aiiiiiiiiiiiiiiiiiiiii

mais

uma choradeira.
e eu a pensar que já tinha feito novamente a adaptação a escola. quando hoje de manha, ouve novamente choro.
e eu fico de coração destroçado, se por um lado me apetece trazer por outro tenho consciência de que não é a opção certa, porque quanto menos for mais difícil se torna.
mas hoje vou busca-lo mais cedinho...

e porque estou

de regresso a casa, já estou sem vontade de não fazer nada.
o fim de semana passou a correr quase não deu para nada.
andamos de festa em festa para desanuviar.
no sábado fomos fazer uma visitinha á Ficton e o Afonso adorou. andou para a frente e para trás a arrebentar balões, e as cambalhotas nos insufláveis foram constantes. (fotos de sábado não há.esqueci-me da maquina, que pena eu tive)
 e ontem fomos até a Feira de São Mateus que esta a chegar ao fim, e mais uma vez o meu feijoca andou com as pilhas ligadas e não parou um bocadinho!







16.9.10

safa

Perder com classe, vencer com ousadia...

Charlie Chapin



e ontem





fiz a vontade ao Afonso, fomos ver os helicópteros.
ele todos os dias os vai ver, mas de longe.
mas ontem esteve mesmo ao lado deles, eu acho que o meu filho vai ser piloto, é que ele adora aviões e helicópteros.
eu bem queria que ele fosse jogador da bola mas ele não esta para ai muito virado...

15.9.10

2º dia


de escolinha, já foi mais pacifico.
quando chegou ainda se agarrou ao meu pescoço, mas depois com umas falinhas mansas da auxiliar lá foi ao colo dela e ficou sem chorar. hoje vim mais descansada porque ontem vim embora mesmo aflita.
a tarde quando cheguei veio logo ter comigo, deu-me um beijo mas depressa voltou para a brincadeira.
melhor dizendo para o escorrega que é a perdição dele.
e comeu bem, dormiu bem brincou com todos os meninos, por isso começo a ficar descansada.
e acho que o que custou foi mesmo ontem.

e como a salinha deste ano é a salinha das borboletas hoje esteve a pintar com os dedinhos uma borboleta para colar a fotografia dele com a data de nascimento que vai ser o calendário dos aniversários.

13.9.10

o regresso

á escola, não foi lá muito famoso.
de manha chorou baba e ranho.
não queria sair do meu colo e só estava bem agarrado ao meu pescoço.
não espera outra coisa ao fim de um mês e meio de ferias.
estive mais de meia hora na escola com ele, mas mesmo assim quando virei costas desatou a chorar.
a meio da manha liguei á educadora para saber como ele estava, e o choro já tinha passado, já estava a brincar com os outros amiguinhos.
e a tarde assim que me viu disse-me logo que tinha andado de escorrega.
a educadora é nova mas a auxiliar é a mesma do ano passado o que ajuda um bocadinho, foi-me dito que passou bem o dia a brincar e o choro foi só mesmo de manha enquanto não vim embora.
comeu e dormiu muito bem.
sei que estes primeiros dias não vão ser fáceis, mas depois vai passar porque ele até é uma criança que gosta da escola, o que me deixa mais descansada.

e amanha

o Afonso volta á escola.
era para ser na semana passada, mas como o J. ia embora na quinta adiamos.
estou receosa por ele, não sei bem como vai reagir.
foi um mês e meio sem ir á escola.
espero que não chore, senão acho que o trago comigo.

dois dias

que passaram a correr.
mas que deu para descansar, pensar na vida e por algumas ideias no lugar!
soube-me bem respirar o ar pura da aldeia, ouvir os grilos a cantar ao anoitecer e de manha bem cedinho ouvir os galos.
soube-me bem voltar á casa da mama e do papá, receber mimos e deitar-me e adormecendo como se não houvesse amanha.

caro leitor

anonimo!
quem lhe disse que não aceito criticas?
quem lhe disse que escrever também era a minha praia?

para que saiba, sou muito boa ouvinte, e não dispenso ouvir uma critica, a critica desde que seja construtiva faz-me reflectir e pensar muitas vezes sobre o assunto.
e sobre escrever, nunca ninguém ouviu que queria ser escritora ou que essa área seria mesmo a minha praia, porque de certeza que não é.
o que eu disse é que não admito que as pessoas andei com disse que disse, é coisa que não faz parte da minha personalidade.
e em relação em gastar o meu dinheiro, ninguém têm nada a ver com isso, até ao dia de hoje, não lhe pedi de certeza para me pagar as contas por isso eu é que sei o que lhe fazer.
e se não esta bem com o que leu, paciência.

10.9.10

um bela passeata

durante a tarde e os miminhos aqui para a je...








30

é o numero de meses que o Afonso completa hoje.
infelizmente o J. não esta.
mas mesmo assim, acreditando que o motivo da ausência é por um futuro risonho, a tarde vamos passear com a avó Bana.
arejar faz bem ao espírito e ajuda a que o tempo passe mais de pressa.

e a ti meu filho só posso dizer, que és a melhor coisa que tenho na vida e o grande motivo que me faz seguir em frente sem nunca olhar para trás.

e esta noite

passei-a em claro.
chegamos do porto já eram 4h da manha.
o Afonso adormeceu pelo caminho mesmo antes de chegarmos ao aeroporto.
depois nao consegui adormecer á espera que o telemovel toca-se para ouvir "já cheguei".
eram seis da manha quando ele tocou e ai pensei que ia conseguir dormir, mas nao, continuei acordada.
o sono nao apareceu.
se doi? doi muito. nao doi a perna, nem o braço. mas sim, doi por dentro e muito.
ontem ao ver o J. a entrar aquelas portas senti mais do que nunca que a partir daquele momento uma nova vida esperava por mim.
que daqui a uns meses eram eu que ia com o Afonso, e que me aguardava uma vida nova, bem diferente daquela que sempre tive.
longe da minha terrinha, longe dos meus, longe do meu portugal...
agora so tenho que aguardar, tentar ocupar o tempo para a dor nao se sentir tanto e tentar transmitir algo de bom ao Afonso.

9.9.10

ultimo dia

e hoje é o ultimo dia em que o J. esta connosco.
pelo menos nos próximos 2 meses, penso eu de que...
as horas vão passar a corre até á hora do voo.
medo muito medo...

8.9.10

e hoje

hoje vivi talvez a maior lição de vida!
fui vitima de mim propria, quem me conhece sabe que sou gananciosa, nao de extremos, mas sou. alias acho que toda a gente o é, e eu nao sou diferente dos outros. e hoje fui vitima da minha propria ganancia.
por motivos de força maior nao vou aqui relatar o que aconteceu, mas cheguei á conclusao de que o dinheiro nao nós tras felicidade e á coisas que nao têm preço.
o dia de hoje ficara para sempre gravado na minha memoria e nunca mas nunca me esquecerei do que vivi e senti em minutos, talvez mesmo segundos.

ja por varias vezes ponderei privatizar o meu blog, sei que estou exposta para o mundo e a internet nao têm so vantagens, existem muitas desvantagens, uma delas é mesmo a exposição.
vou pensar muito bem sobre o assunto, se vou continuar com o blog, se vou privatizar do que irei realmente fazer.
sem duvida que o dia de hoje me vai mudar para sempre....

7.9.10

ando

assim para os lados do moliqueira, sem vontade de fazer nada... e o tempo passa a correr e não tarda é quinta-feira á noite...

6.9.10

será?

acabei de vender o bilhete que tinha para ir ver U2.
acho que ate tive vontade de chorar.
queria tanto ver o concerto, acho que até vai doer quando amanha os for entregar.
e não sei se á ultima da hora não comprarei outro....
será que fiz bem?
vou ficar sempre na duvida!
terei outra oportunidade?

5.9.10

tenho

a casa destruída
ele esta um terror
mexe em tudo
já não me obedece
já não consigo ter mão nele.





isto é só uma amostra daquilo que ele fez este fds.
tenho a casa de pernas para o ar.
o que me vale é que amanha é dia de regressar á escola...